Que eu sou apaixonado por fotografia preto e branco todo mundo já sabe, mas quero discutir aqui um pouco como eu acredito que ela possa lhe ajudar a ser um fotógrafo melhor.

Eu nasci e cresci vendo meu pai revelar fotografias preto e branco e com pouca idade já fui para o laboratório ver a “mágica” acontecer, ficava encantado e maravilhado quando a foto começava a surgir. Parecia realmente algo mágico, muito misterioso.

Ao poucos fui gostando de fotografar e me encantei com o laboratório também. Revelei durante muito tempo meus filmes, inclusive meu primeiro trabalho profissional nesse mundo da fotos foi num laboratório, do meu querido amigo e mestre Waldemar Mauro, na época chama-se Technicolor.

Já na faculdade pude conhecer a Rafaela Azevedo que é outra profissional incrível e apaixonada por fotografia em preto e branco, me lembro de passar horas no laboratório revelando e testando nossos filmes, as vezes até inventando, rsssss/

Creio que duas coisas me ajudaram a ser um fotógrafo melhor, fotografar espetáculos de teatro e o fato de o fazer em preto e branco e depois revela-los.

Lendo um artigo do David Geffin no site FStopper me identifiquei com tudo e já estava querendo escrever sobre isso, então reproduzo aqui um pouco do que entendo e do que ele diz, que a fotografia PB é uma escolha criativa e não uma limitação técnica, e que grandes nomes da fotografia fizeram essa opção.
Ansel Adans, Cartier Bresson, Sebastião Salgado e muitos outros.

Outra coisa bacana que David diz é que hoje as pessoas ficam pensando qual fotografia deve ser convertida e poucos pensam em iniciar fotografando em preto e branco e eu acredito que isso se deva ao digital.

Antes, na época dos filmes nós fazíamos essa opção antes de iniciarmos os trabalhos. Já saiamos com o projeto na cabeça, pensando no processo final e hoje a escolha por preto e branco tem sido mais na base do acho que vai ficar bom ou se a foto ficou ruim em cor passamos para PB.

Acredito que se você desenvolver seu olhar para “ver” em preto e branco você fará imagens incríveis. Nada melhor do que experimentar, não custa nada, pegue sua câmera e sete para monocromático e saia fotografando. tenho certeza que mudará substancialmente suas imagens.

Vamos para as considerações de David.

1 – A cor confunde.

A roupa, o balanço de branco, ambientes coloridos, a diferença de iluminação, tudo isso pode dificultar, enganar e confundir você na hora de fotografar.

Quando se está fotografando em preto e branco essas coisas não farão parte do processo de decisão, permitindo assim a você pensar naquilo que realmente importa, que é a composição, exposição e os elementos que entrarão ou não no quadro. Lembre-se que aquilo que você decide não colocar na imagem pode ser mais importante do que aquilo que você coloca.

pb01

2 – Você vai começar a ver a luz de forma diferente.

A melhor luz para se fotografar é a do por do sol, todos nós gostamos, mas quando estamos fotografando em preto e branco isso não fará muita diferença e você vai começar a pensar na quantidade e na qualidade da luz disponível.

Qualquer ponto de luz, sombra ou a nuance entre os dois será motivo para que você utiliza em suas imagens e em suas composições. Aqui acrescento algo sobre a exposição, onde expor se nas baixas luzes ou nas altas fará uma grande diferença no resultado de sua imagem.

001-storyboard

3 – O preto e branco ajuda a enfatizar a emoção.

Segundo o autor o preto e branco pode enfatizar as emoções pois quando você olha para o rosto de alguém sem a distração da cor você tende a se ligar nas conexões com o assunto ou a imagem.

001-storyboard

4 – A questão do tempo – a imagem parece atemporal.

Claro que o preto e branco está ligado ao passado, mas mesmo hoje quando produzimos imagens em preto e branco elas parecem atemporal, fora do tempo marcado.

Isso é um elemento a mais para se pensar na fotografia em preto e branco.

003-storyboard

5 – Nos remete ao trabalho fine art, ou seja artístico.

Essa é uma colocação minhas mas costumo ouvir que as fotos em preto e branco parecem mais artísticas e creio mesmo ser verdade por tudo isso que já discutimos até aqui.

001-storyboard

6 – Ela amplifica os espaços negativos.

Essas áreas tão importantes numa fotografia tendem a ser realçadas nas fotografias em pb e também mais fácil de se alcançar esses resultados. Fica mais fácil separar os planos quando você tem que se concentrar apenas em claro e escuro.

005-storyboard

7 – Destaca as formas e texturas.

Fica muito mais fácil realçar as formas e texturas, linhas e geometrias no preto e branco, seu olhar vai começar a identificar mais fácil esses elementos numa cena.

001-storyboard

8 – Serve também para destacar a beleza e os tons de pele.

Segundo David não importa o tom da pele e a etnia, a fotografia preto e branco fornece uma faixa tonal maravilhosa entre os pretos e o brancos profundos para realçar a beleza a textura das peles.

006-storyboard

9 – O preto e branco ajuda você a se concentrar na composição.

Isso me agrada muito, pensar na luz e na composição apenas. Aqui a composição não se torna dependente da cor.
Bacana né, tem muita coisa para ser pensada e discutida, esse é um ponto de partida. Muita gente tem experimentado fotografar em RAW, e colocar a configuração da câmera para preto e branco, assim você aprende a enxergar em PB e suas fotos ainda serão colorida podendo deixar a conversão para depois, ou ainda fotografar em RAW mais JPG, assim vc já tem as duas versões numa tacada só.

Quer ver o artigo original do David Geffin no site FStoppers? clique aqui